Tecnologia

“Sereia misteriosa” encontrada em praia é enigma para cientistas

Um bizarro pedaço de carne com a forma de uma sereia, de cor branca e descrito como “fantasmagórico” apareceu recentemente em uma ilha da Papua-Nova Guiné, na Oceania. A figura ganhou o apelido de “sereia” e causou espanto nos moradores da região que encontraram o bicho, mas o que dizem os cientistas?

Esse enigmático ser marinho provavelmente era um mamífero marinho, mas suas origens exatas são incertas, de acordo com especialistas ouvidos pelo site Live Science.

A massa misteriosa foi descoberta em 20 de setembro por habitantes locais na Ilha de Simberi, uma pequena ilha vulcânica no Mar de Bismarck, na Província de Nova Irlanda.

Não há informações sobre o tamanho e peso do corpo, pois não foi medido antes de ser enterrado. Além disso, nenhuma amostra de DNA foi coletada, tornando a identificação com precisão impossível.

Helene Marsh, cientista ambiental da Universidade James Cook na Austrália, acredita que se trata de um mamífero marinho, mas a incerteza prevalece: “a partir disso, é chute”. Sascha Hooker, especialista em mamíferos marinhos da Universidade de St Andrews, sugeriu que é um cetáceo em alto estado de decomposição, como baleias ou golfinhos.

Erich Hoyt, pesquisador da Whale and Dolphin Conservation no Reino Unido, considera a possibilidade de ser uma baleia ou até um dugongo, conhecido por pastar em águas rasas da Papua-Nova Guiné.

O que é consenso é que o animal provavelmente estava morto há semanas, acrescentando um mistério adicional à descoberta intrigante. Mas uma sereia, como aquelas dos mitos fantásticos, certamente não é.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo